Untitled

Notícia do Público: Vieram para ganhar dinheiro, deixaram a mulher e os filhos no país de origem, ganham cerca de 450 euros por mês, trabalham mais de 42 horas semanais, aprenderam rapidamente a comunicar em português e contam regressar aos seus países de origem. Resumidamente, é este o perfil dos imigrantes do Leste, a maioria ucranianos (89 por cento), a que chegaram os investigadores responsáveis pelo primeiro grande estudo sobre esta comunidade.

SOS Racismo

Organização sem fins lucrativos que combate o racismo na sociedade portuguesa. Tem como principais objetivos promover a reflexão, denunciar e intervir com vista a uma sociedade que respeita a igualdade de direitos para tod@s, sem discriminações.