Untitled

Notícia do Destak, Diário de Notícias, Primeiro de Janeiro e Portugal Diário: A redução dos prazos para a investigação criminal e a alteração do segredo de Justiça vão obrigar o Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF) a redefinir os seus procedimentos. O alerta partiu do director regional do SEF no Algarve, durante o lançamento da campanha Não Estás à Venda (ver foto), com que aquela instituição assinalou o Dia Europeu Contra o Tráfico de Seres Humanos.Para José Kellen, «a nova realidade no segredo de Justiça e os próprios tempos de processos vão obrigar-nos a reequacionar muita coisa e obrigam-nos a ter mais elasticidade mental».

SOS Racismo (a)

Organização sem fins lucrativos que combate o racismo na sociedade portuguesa. Tem como principais objetivos promover a reflexão, denunciar e intervir com vista a uma sociedade que respeita a igualdade de direitos para tod@s, sem discriminações.