Untitled

Notícia do Correio da Manhã: A secção de homicídios da Judiciária tem “todos os indícios” de que o ucraniano Vlad, de 30 anos, matou e comeu o sogro, Anatoliy Bobrysh, em Maio de 2005, conforme o CM adiantou ontem. E há ainda “vários testemunhos” na comunidade de Leste de Almoçageme, Sintra, a quem o canibal descreveu o crime.

SOS Racismo

Organização sem fins lucrativos que combate o racismo na sociedade portuguesa. Tem como principais objetivos promover a reflexão, denunciar e intervir com vista a uma sociedade que respeita a igualdade de direitos para tod@s, sem discriminações.