Untitled

Notícia do Correio da Manhã: O abandono escolar está a contribuir para o aumento da criminalidade em Portugal. O alerta é da Confederação Nacional de Acção Sobre Trabalho Infantil (CNASTI), que reclama uma intervenção determinada e eficaz no sector da educação para resolver um problema ‘terceiro-mundista’ que se mantém inalterável desde há dez anos no nosso País. Nos anos 80 e 90, as crianças saíam da escola e eram canalizadas para o sector industrial. Hoje, o trabalho infantil industrial é residual, mas não há alternativas, nem “novas oportunidades”, pelo que, em grande parte dos casos, o abandono escolar acaba por levar os jovens para a marginalidade, prostituição, criminalidade, toxicodependência e tráfico de droga

Untitled

Notícia do Público (Internacional): Três imigrantes subsarianos perderam a vida quando tentavam alcançar as Canárias, a bordo de uma embarcação de 14 metros que transportava 82 pessoas e que foi rebocada, ontem, para o porto de Arguinequín, na Grande Canária, noticiaram as agências.Metade dos ocupantes da embarcação precisou de assistência médica após três dias no alto mar, sem comer ou beber.

Untitled

Notícia do Jornal de Notícias, Correio da Manhã e Público: Quatro dezenas de elementos do movimento nacionalista Terra Identidade e Resistência (TIR) concentraram-se, ontem, em Santa Comba Dão, a exigir a criação, em Vimieiro, do museu do Estado Novo em “homenagem a Salazar”. A exigência aconteceu no dia em que o antigo ditador faria 109 anos de idade (28 de Abril de 1898). Sem uma participação ostensiva, e sob vigilância atenta de um forte dispositivo policial, algumas dezenas de populares associaram-se à manifestação que culminou, ao final da tarde, com uma romagem ao cemitério onde Salazar está sepultado.

Untitled

Notícia do Jornal de Notícias: Os imigrantes oriundos de países exteriores à União Europeia correm mais o risco de ser pobres do que a sociedade maioritária em que vivem, segundo um estudo que comparou a realidade de 14 países, entre os quais Portugal. Aqui, no entanto, ocorre um fenómeno distinto daquele que foi constatado em outros parceiros o risco de pobreza entre dois tipos de imigrantes (de dentro da UE ou de fora dela) situa-se até um pouco abaixo daquele a que está exposto quase um quarto da população portuguesa.

Untitled

Notícia do Diário de Notícias: Negócio floresce e preços oscilam entre sete e 35 euros Tranças, enrolados, cristas, looks ou até uma mistura de vários penteados marcam as actuais tendências seguidas por homens e mulhereXs nos mais de dez cabeleireiros da Cova da Moura, Amadora, onde as filas podem arrastar-se madrugada fora. Qualquer que seja a rua escolhida para entrar no bairro, cuja população é maioritariamente oriunda de Cabo Verde, cinco ou seis dezenas de metros são suficientes para encontrar a placa “Cabeleireiro”, uma indicação que conduz, a partir do momento em que se passa da porta, a um dos espaços de convívio preferidos pelos moradores.

Untitled

Notícia do Jornal de Notícias: Na madrugada do passado dia 25, o Núcleo de Investigação Criminal da GNR de Santo Tirso, deteve duas cidadãs estrangeiras na sequência de uma busca a realizada a um estabelecimento de diversão nocturna, na Trofa.

Untitled

Notícia do Diário de Notícias e Jornal de Notícias: Um dia antes dos confrontos do 25 de Abril entre a polícia e anarco-libertários no Chiado, em Lisboa, já as autoridades sabiam que os manifestantes pretendiam atacar a sede do Partido Nacional Renovador (PNR) e destruir o cartaz contra a imigração colocado no Marquês de Pombal. Esta é a justificação para o aparato policial que rodeou aquela que se pretendia ser uma concentração pacífica, mas que viria a acabar em conflitos com as forças de segurança. Resultado: cinco polícias e dois manifestantes feridos, onze pessoas detidas e diverso material de agressão apreendido. Os detidos por vandalismo e agressões (nove homens e duas mulhereXs com idades compreendidas entre os 20 e os 30 anos) foram ontem libertados com termo de identidade e residência depois de terem sido ouvidas por um juiz de instrução criminal. Florinda Baptista, advogada dos detidos, disse que o inquérito prossegue os seus termos, negando que os clientes tenham praticado actos violentos.