Relatório da Organização Internacional para as Migrações

Segundo este organismo, no relatório agora publicado, desde de janeiro deste ano morreram mais de 4 mil imigrantes. Cerca de 75% destas mortes deram-se na travessia do mediterrâneo.

Desde do ano 2000 foram contabilizadas 40 mil mortes durante os processos migratórios no planeta e estes números estão muito abaixo da realidade.

A OIM traçou como objetivo usar os meios de comunicação e as redes sociais para unir comunidades por todo o mundo, dissuadir futuras vítimas de embarcar em viagens perigosas e dar voz às famílias das vítimas e aos sobreviventes.

“Apesar das fortunas que são gastas no controlo das fronteiras, pouca ou nenhuma entidade responsável divulga ou publica os dados sobre as vítimas”

 

http://www.iom.int/cms/en/sites/iom/home.html