Untitled

Notícia do Diário de Notícias, do Diário Digital, do Portugal Diário e do Jornal de Notícias: No dia 20 de Março, milhares de imigrantes vão juntar-se em Lisboa, no Martim Moniz, para manifestar um conjunto de exigências, constantes de um caderno reivindicativo. “Pretendemos dar visibilidade ao caderno e à luta pelos direitos dos imigrantes”, disse José Falcão, presidente da SOS Racismo. Cerca de 30 associações de imigrantes aprovaram um conjunto de reivindicações para serem entregues ao próximo Governo português, onde se destaca a legalização de todos os estrangeiros ilegais e a revisão da Lei da Nacionalidade.

Untitled

Notícia do Jornal de Notícias e do Primeiro de Janeiro: O Conselho da Europa aprovou, ontem, uma recomendação visando a melhoria das condições “humanamente insustentáveis” em que vivem dezenas de milhares de ciganos, incluindo Portugal. Um documento que se insurge justamente contra o tipo de situações como aquela a que algumas autarquias portuguesas sujeitam essas populações e que “ofendem princípios básicos de integração”, acusa o director-executivo da Obra Nacional Pastoral dos Ciganos, Francisco Monteiro.

Untitled

Notícia do Público: A União Europeia (UE) propôs medidas legislativas que facilitem a entrada no espaço europeu de cidadãos de países que façam fronteira com os mais recentes Estados-membros da UE. A ideia é introduzir vistos especiais de longo termo, permitindo várias entradas livres de taxas, para os nacionais de países como a Rússia, a Ucrânia e a Bielorrússia.

Untitled

Notícia do Público: Os ministros da Justiça da União Europeia (UE) desistiram ontem de incluir a proibição dos símbolos nazis no programa comunitário de criminalização do racismo e xenofobia, devido à impossibilidade de ultrapassar as divergências que os dividiam.
O abandono desta medida foi decidido depois de algumas semanas de debate entre governos e deputados europeus sobre a oportunidade de banir os símbolos susceptíveis de incitar “ao ódio e à violência”, segundo a proposta avançada pela presidência luxemburguesa da UE.

Untitled

Notícia da TSF: Os ministros da justiça e da administração interna da UE começam a discutir, esta quinta-feira, formas de harmonizar as leis sobre a emigração. Até ao momento cada estado tem seguido as suas próprias leis. A base de discussão do tema é o Livro Verde apresentado pela Comissão Europeia.