Untitled

Notícia do Correio da Manhã: Dois imigrantes ucranianos em situação de total indigência foram abandonados à própria sorte, no Cadaval, enquanto esperam pelo regresso ao país de origem. Desempregados, os homens só não passam fome porque um munícipe sensibilizado alertou a Santa Casa da Misericórdia local, que passou a fornecer-lhes as refeições.

Untitled

Notícia do Correio da Manhã: A Polícia espanhola deteve anteontem em Alicante catorze pessoas, na sua maioria brasileiras, que se dedicavam a falsificar bilhetes de identidade (B.I.) portugueses, com os quais procediam à ‘legalização’ de compatriotas. A rede colocava os clientes em trabalhos na construção civil e ficava com a maior parte do seu ordenado, que ia para pagar os documentos e o aluguer dos quartos, também arranjados pela organização criminosa.

Untitled

Notícia do Diário de Notícias: O verde-rubro do equipamento da selecção nacional vai ser substituído pelo branco e preto, no jogo que Portugal vai realizar a Dublim, no dia 9 de Fevereiro, com a congénere da República da Irlanda. O jogo de carácter particular entre portugueses e irlandeses é apenas uma das iniciativas da luta contra o racismo que arranca hoje nos relvados europeus e mundiais.

Untitled

Notícia do Diário de Notícias: Em pouco mais de 24 horas 100 redes mundiais de organizações não governamentais (ONG) uniram esforços e criaram ontem, na 5.ª edição do Fórum Social Mundial (FSM), a decorrer em Porto Alegre, Brasil, uma aliança que pretende pressionar governos e instituições a investir na redução da pobreza mundial.

Untitled

Notícia do Primeiro de Janeiro: Os bairros sociais da Bela Vista, em Setúbal, começaram ontem a ser servidos por uma empresa privada de limpeza e manutenção, no âmbito de um contrato de três meses com a Câmara, no valor de 30 mil euros. Segundo revelou ontem o vereador do Ambiente na Câmara de Setúbal, André Martins (PEV).

Untitled

Notícia do Portugal Diário: O secretário de Estado da Administração Interna, Nuno Magalhães, anunciou hoje a substituição das actuais autorizações de residência de cerca de 255 mil imigrantes em Portugal por um novo cartão de leitura óptica, no prazo de oito meses.